Debates do CCA (UFPI)

Debates do CCA (UFPI)

Debates do CCA (UFPI)

Debates do CCA (UFPI)

O FUTURO DA UNIVERSIDADE É NOSSO, O FUTURE-SE, NÃO!


“Quem sabe mais, luta melhor”

Na última sexta-feira, 30/08, realizou-se mais um evento do Ciclo de Debates sobre o “Future-se”, no Campus Amílcar Ferreira Sobral – CAFS. A iniciativa é da própria comunidade universitária e teve início no dia 22 de agosto, com a realização do primeiro debate. Naquela ocasião foi constituída uma comissão de professores e estudantes para dar sequência às discussões, com o objetivo de assegurar à comunidade universitária do CAFS acumular o máximo possível de conhecimento acerca do citado Programa, que foi lançado pelo Ministério da Educação em 17 de julho de 2019.

Partindo do evento inicial, a Comissão Local decidiu ampliar a discussão e realizar o evento da última sexta feira com a participação da Comissão Institucional nomeada pela Administração da UFPI, que veio representada pelo Professor João Victor, do Departamento de Economia da instituição. Na composição da mesa de abertura do evento, mediada pela Professora Grasiela Coelho, estavam a Diretora do Campus, Professora Edmilsa Santana e os Coordenadores de todos os Cursos, além de um auditório repleto de Estudantes e Professores.

O Professor João Vitor levantou algumas preocupações caso o “Programa Institutos e Universidades Empreendedoras e Inovadoras, Future-se”, seja efetivado. Além das contradições do documento, como a possível coexistência de duas instâncias administrativas (Reitorias e Organização Social - OS), o professor destacou ainda a ameaça à autonomia e ao caráter público e social das IFES que o Future-se representa. A perda da indissociabilidade entre ensino, pesquisa e extensão e a Dedicação Exclusiva também estão sob ameaça, já que o Programa apresenta posição dúbia no que diz respeito a gestão de pessoas, que provavelmente ficará sob responsabilidade da OS.

Campus Amílcar Ferreira Sobral – CAFS

Campus Amílcar Ferreira Sobral – CAFS

Reunião preparatória para Assembleia Comunitária. A reunião foi conduzida pela Vice Reitora, Profa. Dra. Nadir Nogueira, e contou com a presença de diversos setores da UFPI.

O Centro de Tecnologia realizou no auditório Prof. Luis Francisco do Rêgo Monteiro, dia 06 de setembro às 10h, a discussão sobre o Programa FUTURE-SE: proposta de Projeto de Lei encaminhada pelo MEC para ser avaliado pelas universidades públicas.

O objetivo dessa discussão foi fornecer informações e ouvir a comunidade acadêmica do CT, para que esta tome posição sobre o FUTURE-SE, tendo em vista que essa proposta será objeto de deliberação final na ASSEMBLEIA COMINITÁRIA DA UFPI, a ser realizada no auditório Noé Mendes, no dia 09/09/2019 (segunda-feira), às 16h.

Compareceram para fazer os esclarecimentos sobre a proposta do texto preliminar, os Professores: Adriana Setúbal, João Vitor, Francisco Pancrácio e a Advogada Maria Emelida (confirmar o nome dela) com a mediação da Diretora do CT Profa Nícia Leite.

O professor Francisco Pancrácio destacou a ameaça à autonomia e ao caráter público e social das IFES que o “Programa Institutos e Universidades Empreendedoras e Inovadoras, Future-se” representa, com o alto controle de gestão que será destinado as Organizações Sociais.

O Professor João Vitor levantou outras preocupações caso o Future-se seja efetivado, como a possível coexistência de duas instâncias administrativas (Reitorias e Organização Social - OS), A perda da indissociabilidade entre ensino, pesquisa e extensão.

A Profa Adriana Setúbal, também demonstrou a preocupação da gerência das OS, sobre os temas, as pesquisas, o desenvolvimento e a manutenção de todos os cursos das Universidades, mesmo os que não tenham o apelo metodológico. A advogada Maria Emelida (confirmar o nome dela), ressaltou as contradições do documento e das enumeras leis que deverão ser alteradas para que haja a implementação do programa, além de mudanças na constituição federal.

Ao final da explanação houve várias manifestações, e dúvidas que foram elucidadas pela equipe e ao final a Profa Nícia, apresentou a página que está no sítio da UFPI, Futuro em Debate, convidando a todos para que participem e que estejam presentes na Assembleia Comunitária no dia 09/09 às 16hs.









Sínteses das discussões e debates realizadas nos centros da UFPI


CCE

Na manhã da última quinta feira (05/09/2019), às 9h30, foi realizada uma discussão sobre o Future-se no Auditório Maria Salomé Cabral no Centro de Ciências da Educação do Campus Ministro Petrônio Portella, em Teresina. Representando a Comissão Institucional da UFPI o Future-se, o professor João Victor Souza do Departamento de Economia apresentou os principais elementos do projeto e as possíveis modificações sofridas pela UFPI em caso de adesão com ênfase sobre os riscos à autonomia universitária. A mesa foi composta pelo professor Francisco Newton e pelo professor Cantidio Filho, e contou com forte presença do corpo discente, docente e de técnicos do Centro.

CCN

Na tarde da última quinta-feira (05/09/2019) às 16h foi realizado um debate sobre o Future-se no Auditório Afonso Sena, no Centro de Ciências da Natureza do Campus Ministro Petrônio Portella, em Teresina. A mesa foi composta pelos professores do Departamento de Economia Francisco Prancácio, Chefe do Departamento, João Victor Souza, Romina Paradizzo, atual Pró-Reitora de Ensino da Graduação e Vice-Diretora do Centro de Ciências Humanas e Letras, membros da Comissão Institucional da UFPI sobre o Future-se, e pelo representante discente Santiago do curso de Bacharelado em História. O debate contou com participação do auditório e foram enfatizados a insegurança jurídica do Future-se, os riscos possíveis à autonomia universitária e a marginalização dos campos de estudo e pesquisa sem viés mercadológico.

CCHL

Na noite da última quinta-feita (05/09/2019) às 18h foi realizada uma discussão no Auditório Noé Mendes, no Centro de Ciências Humanas e Letras sobre o Future-se e suas implicações sobre as Universidades e Institutos Federais de Educação. A mesa foi composta pelos professores do Departamento de Economia Francisco Prancácio, Chefe do Departamento, João Victor Souza, Romina Paradizzo, atual Pró-Reitora de Ensino da Graduação e Vice-Diretora do Centro de Ciências Humanas e Letras, membros da Comissão Institucional da UFPI sobre o Future-se, pela jurista e acadêmica de Economia Maria Elvina, e pela estudante de Letras Taís, representante do Diretório Central dos Estudantes. Na discussão, foi enfatizada a importância socioeconômica das universidades federais e a relevância das atividades de ensino, pesquisa e extensão que não necessariamente apresentam viés mercadológico. Ademais, foram discutidos os riscos promovidos pelo Future-se à autonomia universitária e foi enfatizada a insegurança jurídica do Projeto que afeta 17 leis e tem um caráter inconstitucional.

CT

Na manhã da última sexta feira (06/09/2019) foi realizado um debate sobre o Future-se no Auditório Luís Francisco do Rêgo Monteiro, no Centro de Tecnologia do Campus Ministro Petrônio Portella, da UFPI. A mesa foi composta pelos membros da Comissão Institucional da UFPI sobre o Future-se, Francisco Prancácio, João Victor Souza, membros do Departamento de Economia, professora Adrianna Setubal, Chefe do Departamento de Ciências Jurídicas da UFPI, pela jurista e discente de Economia Maria Elvina, e pela professora Nícia Leite, Diretora do Centro de Tecnologia da UFPI. No debate, foram discutidos os riscos à autonomia universitária promovidos pelo Future-se, dentro do contexto nacional de redução dos orçamentos para educação. Também discutiu-se a condição das universidades que não aderirem e a importância das atividades de pesquisas básicas e sociais, sem viés mercadológico, mas de suma importância no longo prazo.

Apresentação durante o Conselho Universitario dia 02.09.2019

Carousel imageCarousel imageCarousel imageCarousel imageCarousel imageCarousel imageCarousel image